Clubhouse: O que é, como funciona e tudo que você precisa saber sobre

Sendo uma espécie de Podcast aberto o ClubHouse é um aplicativo de áudio onde existe a possibilidade de ter em uma única sala cinco mil participantes, fazendo com que você possa se conectar com muitas pessoas famosas ou não.

Por enquanto esse aplicativo é fornecido apenas no iOS, porém, seus desenvolvedores alertaram que irão disponibilizar o acesso em breve para o Android. Atualmente inúmeros famosos aderiram o aplicativo para se aproximar do público, poder contar histórias e poder ter mais contato já que passamos por tempos de isolamento. 

Nesse artigo iremos abordar diversos assuntos sobre essa plataforma que mais cresceu desde sua criação, iremos falar o que é, como ele funciona, seus desenvolvedores, entre outros assuntos, então se você quer saber mais sobre o Clubhouse acompanhe-nos.

clubhouse app
Foto de Dmitry Mashkin – Unsplash

O que é Clubhouse?

Clubhouse é um aplicativo baseado em áudio, como se fosse um podcast ao vivo, de forma que as pessoas se comuniquem apenas com áudio, sem a possibilidade de comentários escritos ou curtidas chamadas (métricas de vaidade). 

Ele permite que o administrador do grupo ou sala determine quanto tempo de duração será feito as “reuniões” possibilitando que os microfones sejam abertos ou não. O moderador pode também determinar apenas alguns acessos ao microfone.

Como o foco do aplicativo é conteúdo ao vivo, o que foi feito na sala durante a apresentação não fica salvo em nenhum lugar. O Clubhouse é exclusivo para ser processado apenas ao vivo, se alguém quiser gravar o que está sendo falado, é necessário que todos os participantes tenham autorizado previamente. Sendo passível de penalidades da plataforma. 

Sendo assim, o Clubhouse uma excelente plataforma para as mais diversas utilidades como, entretenimento, conhecimento, estudos de casos, vendas, networking entre outros. 

Como funciona o Clubhouse?

Basicamente você precisa ser convidado para participar do Clubhouse, sendo presenteado com um convite de participação. Recebendo esse convite, você precisa configurar sua conta, utilizando seus dados, fotos, escolher interesses dentre os diversos disponíveis, preencher sua bio (a plataforma não permite links clicáveis). Feito isso passamos para a próxima etapa. 

Nesse ponto você precisa navegar no aplicativo, e como você faz isso? Quando você preenche seus interesses nas configurações, a própria plataforma indica alguns perfis para você seguir, é só clicar na lupinha da busca que você encontrará diversas sugestões baseada nas suas escolhas. 

Porém, se quiser buscar um perfil específico, basta clicar no buscador e colocar no nome do usuário. E essa opção serve também para salas que estão em andamento, ou que estão agendadas.

Ao encontrar essas salas, antes de entrar você tem a possibilidade de ver quem é o moderador, os participantes e quantos são, e qual a temática, facilitando para que você não fique entrando e saindo de salas até encontrar uma que tenha realmente interesse.

Portanto, o Clubhouse é uma plataforma de interação apenas por áudio, e um dos seus diferenciais é que não existe a possibilidade de interação com aplausos, corações e comentários (igual no Instagram). Fazendo com que apenas pessoas autorizadas possam falar, ou se o moderador permite que qualquer pessoa tenha acesso ao microfone.

Quem criou a Clubhouse?

Rohan Seth, ex-funcionário do Google, e por Paul Davidson, empresário do Vale do Silício, são os principais desenvolvedores da plataforma que mais cresceu desde sua criação. Segundo eles, a equipe de criação está correndo para poder lançar a disponibilidade para a plataforma para Android até o meio do ano de 2021 e explicam que ela foi lançada apenas em iOS para poder ter controle de possíveis problemas que elas possam apresentar. 

Segundo explicação do Rohan Seth o Clubhouse é “novo tipo de produto social baseado na voz, permitindo que pessoas em todos os lugares falam, contem histórias, desenvolvam ideias e criem amizades ao redor do mundo”.

Clubhouse banida da China

Segundo informações de usuários, a plataforma vem sofrendo instabilidade e não permitindo acesso aos participantes que residem na China. Informações encontradas na internet dizem que a plataforma foi sim proibida pelo firewall Chinês, porém, nenhuma informação oficial da plataforma do aplicativo havia sido publicada até o dia da publicação do nosso artigo.

Existem também relatos de instabilidade na plataforma em alguns estados dos Estados Unidos, porém, especialistas dizem que são apenas bugs pontuais e que não tenha sido proposital essa “instabilidade”.

Venda de convites da Clubhouse

Muitos são os anúncios de vendas de acesso ao Clubhouse, encontramos eles em: Marketplace, twitter, até mesmo no Instagram é possível encontrar vendedores de convites. 

Convites que podem chegar a custar 600 reais, sendo uma prática “normal” pelos participantes, porém, a política de uso da plataforma não aceita esse tipo de processo. E um ponto que é muito importante levar em consideração é que você é responsável pelos seus convidados. 

Ou seja, se o participante causar algum problema, transtorno e a plataforma achar que deve bani-lo, a pessoa que realizou o convite pode ser banida junto, ou sofrer punições. Por isso é de extrema importância que você selecione para quem você envia o convite. 

Principais Influenciadores que já estão na Clubhouse

Muito se fala que diversos famosos estão participando da plataforma, e uma das maiores celebridades que é ativo no aplicativo é Elon Musk, o homem mais rico do mundo, e Vlad Tenev, fundador do aplicativo de investimentos Robinhood. Participaram juntos de uma sala no último dia 31 de janeiro, fazendo com que a partir desse dia o aplicativo tenha sido acessado 25% a mais do que em outros momentos.

 Personalidades como o rapper Drake e a apresentadora norte-americana Oprah Winfrey, o ator Ashton Kutcher e o rapper Kanye West são participantes ativos no aplicativo.Já no Brasil, a cantora Anitta e o youtuber Felipe Neto, Luciano Huck, são participantes do Clubhouse e atraem um grande público.

Esse sucesso momentâneo do aplicativo se dá pelo fato da proximidade das pessoas que você segue ou admira, com isso você está apenas a um clique de distância dessas celebridades.

Esperamos que você tenha gostado do nosso conteúdo e que pudemos tirar suas dúvidas sobre o aplicativo, se gostou compartilhe com seus amigos e familiares. Comente com sugestões, críticas e elogios que iremos responder a todos.